Another: Uma Metáfora

Acabo de sair de uma palestra com a presidente do CRP de São Paulo, sobre patologização no processo ensino-aprendizagem. Vocês podem achar desnecessário, vocês podem achar uma viagem da minha cabeça, uma vez que Another está longe do que eu chamaria de material de qualidade.
Mas esquecendo um pouco que se tratou de um roteiro vazio para pessoas que gostam de sangue voando, convido vocês a uma curtíssima análise do sistema escolar ocidental usando esse animê como analogia.

Continuar lendo

Anúncios

Red Garden: Qual Zumbi Está Certo?

Red Garden é um daqueles animês que me chamou atenção pelo traço, ano passado. Apesar de “recente” (2006) tinha um pouco de antigo, um pouco de americano, diferente, com personalidade.
Mas sinceramente não entendi bem a proposta inicial, achei que fosse pancadaria com garotinhas, acabei deixando pra lá. Mas depois de ter assistido Umineko e Another liguei o foda-se para a possível violência do enredo e baixei os 22 episódios (isso me lembra Shiki, bem que podiam ter dois OVAs complementares também né… Sobre a Lise… Tá, viajei). Continuar lendo

Blood – The Last Vampire: Uma História pela Metade Sempre dá Asas a Imaginação

Depois de tanto tempo, estou de volta. Infelizmente, não é para falar de um super animê, altamente recomendado… E sim de um filme fraco, que deu origem a uma grande série.

Sob a recomendação da Beta, do ELBrasil, peguei para assistir, mesmo depois de ter acompanhado a série de televisão (antiga) e não achado grandes coisas. Continuar lendo

Ghost Hunt: Fórmula que Prende em um Animê nem Tão de Terror Assim.

Esbarrei em Ghost Hunt baixando Ghost Hound (até hoje confundo os nomes), e nem dei bola, por conta da temática. Mas o ELBrasil disse que esra bom, e final de férias, não queria morrer de tédio. Baixei e simplesmente me apaixonei, marotonando como nunca (25 episódios em dois dias com gosto!).
Continuar lendo

Shiki: Como um Animê de Vampiros pode Estraçalhar a sua Mente

Shiki é um animê realmente enganoso. Sinopse e abertura de história de terror barata e previsível. Elenco de “protagonistas” com cara de Slice of Life. Desenvolvimento nada a ver com as condições que acabei de citar e nem com nada que você provavelmente imaginaria.

Mortes misteriosas passam a acontecer em uma pequena vila isolada no interior do Japão chamada Sotoba, depois que uma família de gente rica e extravagante se muda para uma antiga mansão ali localizada. Ao mesmo tempo que vemos as mortes, acompanhamos a história de Natsuno Yuuki, um garoto da cidade grande que se mudou com os pais para uma casinha simples na vila. Acompanhamos também a trajetória de Toshio Oozaki, o médico da vila, que tem recebido muitos pacientes com uma estranha forma de anemia, e Seishin Muroi, um monje amigo de infância de Toshio, que enterra as pessoas que este não consegue salvar.
Continuar lendo