KareKano: Evoluindo

kkKareKano sempre foi um animê que me chamou a atenção, mas tenho muita preguiça de shoujo. Numa semana de carência, sentei e vi tudo de uma vez XP

Continuar lendo

Anúncios

Sakamichi no Apollon: Notas no Mel

Aê, eu voltei!! Desculpem o sumiço sem aviso prévio novamente. Menu de parceiros quase completamente atualizado (mas preciso que a @suzi_dono me passe o novo endereço dela).

Quando a Sakamichi… Hype, hype e hype. Mas a justificativa era boa e eu fiz questão de não pesquisar muito mais, para não me decepcionar.

Jazz faz slice of life ser suportável, não? Continuar lendo

School Days: No Divã

Sim. Eu assisti School Days. Era curtinho, 12 episódios, nenhum drama. Mas cara, não dá para analizar aquilo, fazer um Review. O roteiro é puro mais do mesmo, é algo tão banal no gênero harém que a presença de um certo “drama” (por sinal, forçadérrimo!) não o faz mais digno de análise.

Temos peitos, bundas, meninas apaixonadas e um protagonista frouxo cuja quantidade de feromônios produzida não faz sentido nenhum.

Aí vocês se perguntam: Se isso é tudo que você pode dizer da série, se você acha que ela não tem roteiro digno de resenha, porque está fazendo um artigo?
Continuar lendo

Youjohan Shinwa Taikei: Eu, os Outros e o Desejo

Traço é uma coisa que quem acompanha o Kotodama sabe que me incomoda. Geralmente é tão padronizado! No começo é legal passar o tempo encontrando os pequenhos detalhes que são específicos do traço do autor… Mas cansa.

Aí eu passei para os radicalismos artísticos, Shiki, Sayonará Zetsubou Sensei, Gankutsou, Katanagatari, Youjohan Shinwa Taikei… E todos se mostraram achados e tanto (pelo roteiro, inclusive).

E é do mais seletivo deles que vou falar aqui hoje. Continuar lendo

Lovely Complex: Três Anos de Desencontros

Vaaaaaalentine’s Day, pessoal. Uma data estúpida, feita por americanos estúpidos, adotada por japoneses estúpidos e alguns otakus brasileiros, que por derivarem disso tudo se mostram estúpidos ao cubo. Tá, parei, só acho tosco, sem ofensas.

LoveCom é uma comédia romântica adorável, que eu assisti a muuuito tempo. Enrolada, mas divertida e totalmente perfeita pra fãs de Shoujo (o que não é meu caso, mas paremos de ranzinzar e vamos ao post).
Continuar lendo